Quando o Redmi Note 4 foi lançado pela Xiaomi em agosto deste ano, os usuários logo questionaram o fato da empresa não ter disponibilizado uma versão com chipset Snapdragon. Há alguns dias, foi revelado que a empresa estaria trabalhando no Redmi Note 4X, um phablet com um dos SoCs mais recentes da Qualcomm, mas uma certificação no TENAA desmente esta informação. Agora, um vazamento de imagens comprova a presença de um Helio X20.

Como podemos ver na imagem, a Xiaomi está preparando um smartphone bastante parecido com o Redmi Note 4. A diferença é que o Note 4X contará com 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno, enquanto o phablet lançado em agosto conta com opções de 2 GB e 3 GB de RAM, e 16 GB de armazenamento interno.

Pela imagem também é possível ver que a empresa chinesa irá continuar utilizando o Android 6.0.1 Marshmallow, mesmo com a versão 7.0 Nougat já estando disponível. O chipset Helio X20, com 10 núcleos de processamento, é o mesmo que está presente no Redmi Note 4 e por conta disso o desempenho deverá ser bastante parecido, mesmo com o Note 4X tendo mais memória RAM.

Especificações técnicas
  • Tela de 5,5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080)
  • 4 GB de memória RAM
  • 16 GB / 32 GB / 64 GB de memória para o armazenamento interno
  • Entrada para cartão microSD
  • Chipset MediaTek Helio X20 com dez núcleos de processamento
  • GPU ARM Mali-T880 MP4
  • Câmera principal de 13 megapixels
  • Câmera frontal de 5 megapixels
  • Leitor de impressões digitais (parte posterior)
  • Bateria de 4.100 mAh
  • Android 6.0 Marshmallow como sistema operacional

Os rumores indicam que a Xiaomi irá cobrar aproximadamente US$ 185 (R$ 607, em conversão direta) por cada unidade do Redmi Note 4X, porém este valor não foi confirmado pela empresa. Infelizmente também não há qualquer menção ao dia que este novo phablet deverá ser lançado e para isso será necessário esperar pelo pronunciamento da Xiaomi.

 

Fonte: pocketnow