Imagem Apple Watch Serie 4 a fazer um ECG

A Apple quando, em setembro passado, lançou o Apple Watch Serie 4, colocou como “grande novidade” a capacidade deste dispositivo realizar um eletrocardiograma (ECG). Muitos foram os que se insurgiram contra o que a Apple descreveu como um recurso ECG semelhante a um eletrocardiograma de um único elétrodo.

Um dia depois da Apple lançar a função ECG, com o lançamento do iOS 5.1.2, parece, pelo testemunho do utilizador, que a função ECG lhe salvou a vida.

Algo se passou com o coração e o Apple Watch sugeriu que visitasse um médico

Edentel, utilizador do Reddit, descreve a experiência tal como ela se passou desde o momento que a função ECG lhe começou a dar alertas.

Começou por receber notificações de uma taxa de frequência cardíaca anormal. Depois deu-lhe um alerta de uma Fibrilhação Auricular. Será um bug do firmaware do Apple Watch?

Informação referente à leitura que o utilizador recebe do Apple Watch e que pode consultar na app Saúde

“Pedaço de porcaria de relógio”

Novamente procedeu a um exame e voltou a receber uma leitura com Fibrilhação Auricular. Tentou de novo e outra… até que praguejou “Pedaço de porcaria de relógio”. Foi junto da esposa e, para tirar as teimas, colocou o relógio no pulso dela e fez uma medição: normal. Fez outra e: normal.

Voltou a colocar o relógio e fez de novo: fibrilhação… tentou de novo, mas noutro pulso e… fibrilhação!!! Sempre que fazia uma leitura, o Apple Watch era conciso: detetada fibrilhação auricular.

A esposa sugeriu que fosse ao médico e foram ao hospital. Já no consultório, o homem envergonhado explica que está ali porque “o relógio estava a detetar leituras de fibrilhação auricular”.

Equipamento médico confirma precisão do ECG no Apple Watch Serie 4

Já na sala de observações, com equipamento hospitalar, o técnico faz um ECG e fica a olhar para Edentel. O técnico olha para o ecrã do equipamento e vai chamar o médico.

O médico entra, olha para o ecrã, olha para o paciente e diz: “Deveria comprar ações da Apple. Isso provavelmente salvou-o. Eu li sobre essa tecnologia ontem à noite e pensei que iríamos ver um aumento de pessoas esta semana. Não esperava é que fosse logo a primeira coisa hoje de manhã.”

A declaração no Reddit termina com o autor a referir que está já encaminhado para um cardiologista e o que faz é dar o seu testemunho para que outros possam entender o valor deste equipamento.

Teste em si mesmo. Eu não fazia a menor ideia. Poderia nunca ter.

Este é um testemunho muito interessante e importante para a tecnologia em si. Valida que, mesmo sendo algo muito rudimentar face às tecnologias hospitalares, a sua verificação pode detetar alguns sintomas anómalos, como neste caso detetou a fibrilação auricular.

Assim, a Apple dá mais um passo na transformação do Apple Watch Serie 4 numa ferramenta de bem-estar e monitorização da atividade física e verificação de sinais vitais.

Conheça estas aplicações dedicadas à saúde para o seu Apple Watch

Fibrilhação Auricular – O que é?

A fibrilhação auricular é a arritmia crónica mais frequente com uma prevalência superior a 6% a partir da sexta década de vida. Na FA há uma perda da função mecânica auricular, o que leva à estagnação do sangue e à formação de coágulos nas aurículas, que podem desprender-se e embolizar as artérias cerebrais. A FA é responsável por 15% dos AVCs.

Os fatores de risco mais frequentes são a idade avançada, a hipertensão arterial, a diabetes e a insuficiência cardíaca.

As principais manifestações da doença são as palpitações, a resposta excessiva da frequência ventricular, a falta de ar e intolerância ao esforço, o aumento da mortalidade, etc.

A FA aumenta em 5 vezes o risco de AVC (o principal problema), em 3 vezes o risco de insuficiência cardíaca, em 2 vezes o risco de demência e duplica o risco de morte.

Os objetivos da terapêutica são prevenir o AVC, controlar a frequência cardíaca, restaurar e manter o ritmo sinusal, melhorar os sintomas, prevenir a insuficiência cardíaca e prolongar a esperança de vida.

Atualmente existem novos tratamentos, que podem ser utilizados de forma mais eficaz e segura.