A Xiaomi está se preparando para o lançamento oficial da nova MIUI 11. Isso porque o diretor de produtos da empresa sugeriu que o software está quase pronto e deve chegar aos usuários carregado de novos recursos.

Segundo o executivo, a MIUI 11 será um “sistema operacional único” apresentando um novo conjunto de ícones e deve trazer também uma melhoria significativa para o modo de economia de energia.

O novo modo será capaz de desativar todas as funções do smartphone, exceto chamadas e SMS. Além disso, ele também deve transformar toda a interface em escala de cinza para economizar a carga restante da bateria. Este modo de economia de energia também será personalizável liberando alguns recursos, apesar das restrições do sistema.
Outro ponto destacado é que a Xiaomi planeja implementar um novo recurso que pode atender chamadas para o usuário e converter a conversa em texto. A funcionalidade é semelhante ao Google Duplex e deve usar o assistente XiaoAI. Veja uma captura liberada pela empresa

De acordo com a Xiaomi, o recurso deve funcionar de maneira simples e prática. Assim, sempre que receber uma chamada, o celular deve oferecer a opção de transformar o áudio em texto. Com isso, o assistente atenderá e até mesmo fornecerá respostas de forma automática na ligação.

Caso a chamada interesse ao usuário, ele poderá optar por atender normalmente. Outro recurso que também deve chegar na MIUI 11 é a exclusão automática de capturas de telas. A novidade deve ser acionada sempre que um usuário compartilhar a imagem em algum aplicativo.

Além disso, a barra de status será melhorada, sendo que a Xiaomi garante que todos os aplicativos do sistema terão o modo escuro de forma nativa. No entanto, a empresa ainda não quis fornecer uma data específica para o lançamento oficial da nova interface.